Enciclopedia jurídica

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z




RENÚNCIA E ABANDONO

A renúncia é a desistência voluntária de alguma coisa; o abandono é a negligência, a abstenção, a rejeição, o desprezo ou o descaso pela coisa. Renunciante é quem abdica, abjura, recusa por escrito, (p. ex., a uma herança, aos direitos resultantes da mora) e renunciatário é quem foi favorecido pela renúncia. O termo renúncia só poderá ser concebido como sinônimo de abandono fora do prisma jurídico.


Remuneração      |      Renda